Novidades

Como usar o MOP para manter a limpeza de casa por mais tempo?

Manter a casa em ordem por vários dias não é uma tarefa simples. No entanto, saber como usar o MOP e outros equipamentos de limpeza para fazer a manutenção da higiene e mudar pequenos hábitos diários pode fazer a diferença na organização dos cômodos. A circulação de pessoas, que entram e saem com frequência e, consequentemente, trazem sujeira da rua, o acúmulo de pó nos móveis e a louça que tende a aumentar com o passar dos dias são os fatores que mais contribuem para a bagunça. A dica é não adiar a arrumação! Lave os pratos logo depois de comer, dobre as roupas assim que tirá-las da secadora ou varal, guarde os sapatos no lugar deles logo que chegar em casa, passe rapidamente um Pano de Microfibra pelos móveis e o Mop pelo piso de todos os cômodos da sua casa, pelo menos, uma vez a cada 3 dias para não juntar pó e outros resíduos de sujeira. O Mop além de economizar água, também otimiza o tempo, até mesmo, em limpezas periódicas mais demoradas, porque sozinho é capaz de substituir a vassoura e o rodo em diversos tipos de piso, sem necessidade de abaixar para torcer ou ter contato com o pano. Atitudes simples como essas, economizam bastante tempo e ajudam a manter os ambientes limpos e organizados por mais tempo. Além de ser muito desagradável conviver num ambiente bagunçado, quando deixamos serviços simples ficarem acumulados, temos mais trabalho posteriormente. 4 dicas para facilitar a organização da casa 1 - Pratique o desapego! Quando guardamos objetos e roupas que não utilizamos mais, além de acumularmos bagunça, também perdemos espaço. Organize itens básicos como cobertores, toalhas, sapatos, brinquedos e roupas em bom estado e doe para instituições de caridade ou para alguém que esteja precisando. Já os acessórios diferenciados ou objetos de decoração, podem ser vendidos em brechós e feiras de antiguidades. 2 - Utilize as 5 categorias de organização! Quando começar a arrumação, separe os objetos em cinco pilhas: Ir para outro cômodo; Doar/vender; Dar/devolver para alguém; Jogar fora; Lista de espera (em que você deve colocar os itens que não tem certeza do destino que quer dar). Os itens que estiverem nas primeiras quatro caixas, basta direcionar aos locais certos. Quanto à caixa da “espera”, guarde-a! Mas se você não precisar de nada que está ali durante seis meses, mais ou menos, pode se livrar dos objetos. 3 - Livre-se das caixas de papelão! Elas são um verdadeiro convite ao acúmulo de itens inúteis, porque além de serem encontradas com facilidade em qualquer lugar, também impossibilitam a visualização dos objetos internos, o que faz com que muitas vezes esqueçamos o seu conteúdo e as deixemos empilhadas num canto qualquer. Utilize caixas de papelão apenas para fazer mudança. Nos demais casos de arrumações rotineiras, prefira caixas de plástico ou madeira.   4 - Otimize seu tempo! Para saber se a organização da casa está funcional, faça uma conta simples: quanto tempo você demora para limpá-la quando, por exemplo, vai receber uma visita inesperada? Se você precisa de mais do que 30 minutos para isso, é sinal de que precisa se organizar melhor e de que, provavelmente, está acumulando mais itens do que precisa. Adquira o hábito de fazer pequenas manutenções diárias, como guardar roupas, lavar louça, tirar o pó e passar um MOP no piso para tirar o excesso de sujeira. Atitudes simples fazem toda a diferença e ajudam a economizar tempo na hora de realizar a faxina pesada. Continue acompanhando o nosso blog para receber mais dicas de limpeza e organização.

Postado por: utilfacil Categoria: Dicas de Higiene e Limpeza
Comentar

MOP é eficaz na limpeza de áreas externas

As áreas externas de casas, apartamentos e imóveis em geral são os lugares onde se encontra mais sujeira por serem espaços abertos. No entanto, o MOP e outros equipamentos de limpeza podem ajudar a manter a higiene do espaço por mais tempo. Os ambientes externos, muitas vezes, não recebem devida atenção na hora da limpeza. Por conta da correria, ou preguiça, algumas pessoas preferem contar com uma ajudinha da chuva. Por isso, elas acabam um pouco esquecidas. No entanto, são elas que, muitas vezes, dão a primeira impressão da casa. Portanto, ter um quintal limpo e higienizado pode realmente mudar o clima da casa toda. Pensando nisso, separamos algumas dicas para manter o seu quintal limpo e organizado. Primeiramente, retire da área todos os móveis e objetos de decoração, deixando a superfície vazia. Depois, com a vassoura, varra o local. Em seguida, pegue o produto de limpeza da sua escolha e dilua um pouco em água quente. Para ajudar nessa tarefa, utilize mop e balde, evitando contato direto com o produto e com a água suja. Com o Mop, espalhe a solução de limpeza por todo espaço e deixe agir de 5 a 10 minutos. Depois, utilize água para enxaguar o local. Lembre-se de três coisas importantes: 1 - Cuidado para não deixar que a solução de limpeza caia na grama ou em canteiros, isso pode fazer mal às plantas; 2 - Use a água com parcimônia, sem desperdício; 3 - Produtos de limpeza podem ser abrasivos e irritar olhos e pele. Por isso, sempre use luvas na hora da limpeza. Se o seu quintal possuir um deck de madeira ou pedras, o ideal é lavá-los com mangueira de alta pressão, mais eficaz para remover sujeira entre frestas da madeira e para remover o limo. É aconselhável também pesquisar produtos específicos para esses materiais. Por que usar o MOP? O MOP é um dos equipamentos de limpeza mais práticos, eficazes e sustentáveis. Além de promover a higiene com mais rapidez e facilidade, o produto ajuda a economizar água, uma vez que não requer enxágues constantes água. Além disso, o item possui sistema de torção, o que evita o contato com a sujeira e o abaixa e levanta comuns na hora da faxina pesada. Outra vantagem do MOP é que são mais resistentes que vassouras e rodos e não espalham a sujeira. Além disso, algumas versões possuem spray dimensionado para economizar produtos químicos e têm um ótimo custo benefício. Para deixar a hora da limpeza bem mais prática, busque equipamentos de limpeza que tenham resistência e qualidade.  Os MOPs são uma excelente alternativa, pois removem a sujeira de sem esforço físico, com um mínimo de água e produtos de limpeza e de forma prática.

Postado por: utilfacil Categoria: Dicas de Higiene e Limpeza
Comentar

Como organizar a mudança?

Mudar de casa traz a sensação de novidade e de começar uma rotina diferente, mas junto também vem a preocupação com o processo de empacotar todos os nossos pertences, limpar e organizar tudo no novo espaço. É uma tarefa cansativa e que demanda tempo, mas com um pouco de organização e dedicação, tudo pode ser feito de forma prazerosa e com menos estresse. Nem sempre a mudança pode ser planejada com antecedência suficiente, mas, mesmo assim, procure começar a se organizar o quanto antes. Faça planilhas e checklists com todas as tarefas e materiais que precisa separar, sem ordem de prioridade, apenas anote tudo o que lembrar referente à mudança, como por exemplo, conseguir caixas de papelão, fitas para embalagem e canetas, comprar MOP e produtos de limpeza para fazer uma faxina na nova casa, contratar uma empresa de transportes e mudanças e mudar o endereço das correspondências. A lista fará com que você não precise ficar pensando o tempo todo no que deve ser feito, pois tudo estará registrado. Tente fazer uma seleção rigorosa do que não precisa ir para a nova residência. Roupas, sapatos, brinquedos, livros e objetos pessoais que não servem mais, estão quebrados ou não tem mais uso para você e sua família devem ser descartados. Dicas para facilitar a mudança 1 – Antes de se mudar, limpe a casa toda com um MOP, pois são muito práticos para diversos tipos de pisos e vão otimizar seu tempo. 2- Orga­nize também aquela bagunça que sem­pre fica escon­dida em algum canto. Isso fará com que a casa se mantenha conservada e em bom estado para os possíveis novos donos ou inquilinos. 3 – Encaixote tudo! Um lugar fácil de con­se­guir cai­xas é em super­mer­ca­dos e mer­ca­dos de bairro. Caso não encon­tre, procure no cen­tro de reci­cla­gem mais próximo e com­pre algu­mas por ótimos preços. 4- Guarde tudo que puder e tente dividir de acordo com os objetos ou cômodos, etiquetando as caixas com cores diferentes ou utilizando mar­ca­do­res per­ma­nen­tes, que também são ótimos para incluir infor­ma­ções impor­tan­tes, como o cômodo de des­tino e o con­teúdo da caixa. 5 - Encaixotar as coisas cômodo por cômodo, mantendo o conteúdo de dife­ren­tes espa­ços em dife­ren­tes cai­xas vai eli­mi­nar con­fu­são e pou­par tempo quando esti­ver desencaixotando. Nem tudo que você encai­xo­tar pre­ci­sará ser utilizado já nos pri­meiros dias no novo lar, cor­reto? Então separe as cai­xas também por pri­o­ri­dade. 6 – Embru­lhe o que for mais frágil ou necessário, mas fique atento: quase sem­pre as coi­sas que são embru­lha­das com jor­nal ficam com tinta que as folhas sol­tam, então depois de desem­bru­lhar você, pro­va­vel­mente, vai pre­ci­sar limpá-las com um pano de microfibra, que é prático porque não precisa aplicar produtos químicos e é perfeito para diversas superfícies. 7 – Imprima algu­mas eti­que­tas com seu novo ende­reço antes de se mudar. Poderá ser muito útil para dei­xar com os mora­do­res da sua antiga casa para que eles pos­sam entrar em contato ou enca­mi­nhar qual­quer cor­res­pon­dên­cia que che­gue após sua mudança. 8 – Assim que che­gar na nova casa defina um cômodo, de preferência um dos quartos, para ser o último a ser organizado. Ele será uma zona livre de cai­xas e vai ser­vir para que você e sua famí­lia pos­sam des­can­sar e rela­xar quando precisarem. 9 – Faça um mutirão com a família e os amigos que estiverem disponíveis para organizarem e limparem tudo antes de desencaixotar e posicionar cada objeto em seu devido cômodo. É importante garantir pisos limpos e livres de poeira, pois eles são a base da casa e é por cima deles que todos os móveis e objetos estarão dispostos. 10 – Caso tenha ani­mais de esti­ma­ção, planeje também a segurança e conforto de cada um deles enquanto desencaixota e limpa tudo. Ponha o gato no banheiro com a caixa de areia e o cachorro num cer­cado no quin­tal ou na lavan­de­ria, longe dos produtos e itens de limpeza. Além disso, pro­cure dar um pouco mais de aten­ção para eles no pri­meiro dia, pois os ani­mais demo­ram mais para se adaptar a novos ambientes. Faça com que a pri­meira noite na nova casa seja inesquecível! Peça comida ou se estiver disposto, faça um jantar especial. Isso fará com que você e sua famí­lia e amigos rela­xem, fiquem unidos e se empolguem com o novo começo!

Postado por: utilfacil Categoria: Sem categoria
Comentar

Como manter o mosquito da dengue afastado da sua casa?

O mosquito Aedes Aegypt tem sido muito mencionado devido às numerosas ocorrências de dengue, zika e chikungunya, configurando assim um dos principais problemas de saúde pública no momento. De acordo com o Ministério da Saúde, o país já registrou 802.249 casos prováveis de dengue em 2016, até o mês de abril, o que representa um aumento de 13,8% em comparação ao mesmo período de 2015. A dengue é uma doença tropical infecciosa causada por um vírus que é transmitido pela picada de várias espécies de mosquito do gênero Aedes, principalmente o Aedes Aegypti. Os sintomas incluem febres, dores de cabeça, dores musculares e articulares e uma erupção cutânea peculiar, semelhante ao sarampo. É importante ressaltar que não há contágio pelo contato com doentes e não existe tratamento específico, apenas medicamentos e recomendações para aliviar os sintomas. Como, por exemplo, a ingestão de bastante líquido. Embora pareça pouco agressiva, a doença pode evoluir para a dengue hemorrágica e a síndrome do choque da dengue, caracterizadas por sangramento, baixos níveis de plaquetas sanguíneas, extravasamento de plasma no sangue e diminuição da pressão arterial a níveis perigosamente baixos, o que eleva o risco de morte. Como eliminar os focos de dengue? A água parada é criadouro para o mosquito e a melhor maneira de combater esse mal é atuando de forma preventiva e impedindo a reprodução do Aedes Aegypt. Confira 14 dicas para manter a dengue bem longe: 1 - Coloque um pouco de areia em cada prato dos vasos de plantas. 2 - Garanta que os ralos estejam sempre limpos jogando água sanitária ou desinfetante semanalmente e passando o MOP por cima e ao redor. Se não for utilizá-los, mantenha-os vedados. 3 - Descarte qualquer objeto que possa acumular água, como embalagens usadas, potes, latas, copos e garrafas vazias etc. 4 - Depressões de terreno também são possíveis poças de água parada. Preencha-os com areia ou pó de pedra. 5 - Guarde pneus velhos sem água em locais cobertos e abrigados da chuva. 6 - Mantenha sacos de lixo bem fechados e fora do alcance de animais até o recolhimento pelo serviço de limpeza urbana. 7 - Utilize uma escova para lavar os trilhos de janelas e portas, principalmente a parte interna. 8 - Lave louças e utensílios usados para guardar água em casa, como jarras, garrafas, potes, baldes etc. 9- Troque diariamente a água dos bebedouros de animais e aves e limpe-os com escova ou bucha. 10 - Depressões de terreno também são possíveis poças de água parada. Preencha-os com areia ou pó de pedra. 11 - Guarde pneus velhos sem água em locais cobertos e abrigados da chuva. 12 - Feche muito bem caixas d’água, cisternas, tonéis e outros depósitos de água com a tampa adequada. 13 - Mantenha garrafas vazias sempre de cabeça para baixo. 14 - Limpe com frequência calhas, lajes e piscinas e remova tudo que possa impedir a passagem da água. 15 - Instale a caixa do ar-condicionado de forma que esta não possa acumular água. 16 – Certifique-se de manter pisos, principalmente os externos, limpos e secos e sem poças d’água. Para isso, utilize utensílios de limpeza específicos, como o MOP, que poderá alcançar e penetrar em locais de difícil acesso e absorver qualquer acúmulo de água indesejado.

Postado por: utilfacil Categoria: Sem categoria
Comentar

Solicite um Orçamento

Ou ligue para
0800 771 44 22

Seja nosso representante

Seja nosso representante

Preencha o formulário e especifique a região para onde deseja ser representante.

Clique aqui

Venha trabalhar conosco

Envie seu currículo